Avançar para o conteúdo principal

Paciência


Deixar mensagens positivas é algo natural em mim, sou uma pessoa paciente, perseverante, que crê no futuro,  optimista. Na minha vida, o amanhã, por mais negro que seja o presente, será sempre luminoso.  Tudo pode mudar de um minuto para o outro, mesmo aquilo que há anos se tem mantido inalterável.
Se fui sempre assim? Não. Houve alturas da minha vida que me deixei rodear por  pessoas negativas, destrutivas que, por vezes, conseguiam abalar as minhas certezas e a minha perspectiva do futuro. Mas, como nada é definitivo, afastei-me delas e a vida foi ganhando brilho.
Em Agosto fui a uma feira medieval e comprei uma rifa, não queria sair sem trazer nada.
Dizia assim:

A Paciência é uma virtude…
Já falta pouco…

Não faltava muito. Em Dezembro chegou a oportunidade que esperava há 10 anos.

"Pois é Pai, como vês com ovos consegue-se fazer uma omelete mas para isso não é preciso pedi-los, pode-se trabalhar para os conseguir. Mais uma vez te enganaste. Quem sabe um dia a luz que me ilumina o futuro te venha a iluminar a ti.  Nunca é tarde, ou talvez seja.!

Um parêntese para vos ajudar a acreditar e que vincou as minhas convicções. 
(Esse bocadinho de papel continua guardado e acompanha-me diariamente. Espero conseguir muito mais vivendo pacientemente. )
Brown Eyes

Comentários

Briseis disse…
Tem graça ler isto depois de eu própria ter escrito sobre o meu pai... =) o teu texto cheio de optimismo e serenidade é inspirador! obrigada!
redonda disse…
Parece-me que estou a precisar de arranjar um papel assim...:)
Ana Martins disse…
Mary, boa noite!
A paciência é uma grande virtude!
Parabéns pelo lindo texto e pelo desejo alcançado.

Beijinho,
Ana Martins
Mary Brown disse…
Briseia já pensaste que poderia ter sido o teu post que me fez publicar este? Ninguém gosta de ter nascido num meio adverso, nem eu, mas o facto é que muitos de nós conseguimos fazer a nossa vida, sem traumas, apesar de nunca termos tido família e em vez de termos sido ajudados a crescer fomos ajudados a afundar-nos. Não afundamos porque temos muita força e apesar de termos andado às voltas conseguimos levantar-mo-nos e é bom que as pessoas saibam que é possível viver feliz apesar de termos que carregar uma família menos própria as costas. Escravidão existe nesse meio e para nos livrarmos dela não é fácil já que só o nome nos pesa. Eu consegui, tarde, só depois de eles terem destruido o que eu tinha de mais precioso. Este blog não nasceu para eu falar de mim, nem da minha vida, por isso nada tenho publicado sobre o assunto. No entanto reconheço que a minha experiência ajudaria muita gente. Beijinhos
Mary Brown disse…
Redonda estás a precisar é de acreditar. O papel só serve para nos lembrar porque, muitas vezes, a pressão é tanta que esquecemos as coisas essenciais da vida.
Mary Brown disse…
Ana se não tivermos paciência rapidamente desesperamos e muitas vezes sem motivo. Beijinho Grande para ti.

Bom fim de semana para todos.
Mz disse…
Como diz o velho ditado...

"Quem espera sempre alcança"

Bjnhs e bom fim de semana,
Mz

Muito bem termos pensamentos
positivos. Eu tento tê-los.
Também já me aconteceu coisas
que me podiam ter destruído
e eu ergui-me de novo e como
valorizo muito a VIDA desvalorizo
tudo o resto. Pretendo viver cada
dia da minha vida com intensidade,
com amor e com um sorriso nos
lábios.
Bjs.
Bom fim de semana.
Irene Alves
Fê Blue bird disse…
Minha querida amiga:
Dificilmente conseguimos "entrar" na pele dos outros, cada pessoa é um somatório das experiências da sua vida, boas ou más, elas moldam-nos e endurecem-nos.
Quando apesar das dificuldades se consegue alcançar o que tu conseguiste, isso revela uma grande personalidade e uma enorme força de vontade.
A vida também não tem sido fácil para mim, mas ao contrário de ti as dificuldades estão no presente e não no passado, portanto ainda estou a aprender...mas chego lá!
Sou impaciente por natureza, não vai ser fácil :)

Adorava ter um dia a oportunidade de partilharmos experiências.


Um grande beijinho




Mary Brown disse…
MZ exactamente. Por isso gostamos tanto de citar os ditados populares. Beijinhos
Mary Brown disse…
Irene a vida é feita de coisas boas e más e ou sabemos vencer as más ou nunca conheceremos as boas. Há que acreditar em nós e aceitar que o tempo nem sempre tem a medida que pretendemos e por isso às vezes parece nunca chegar a nossa oportunidade mas chegará. Beijinhos
Mary Brown disse…
Fê o meu passado ajudou-me muito a aceitar o presente e a lutar pelo que quero. Aprendi que ou eu me ajudo a resolver os problemas e a lutar pelo que quero ou então o melhor é desistir. Tudo o que nos acontece tem sempre um lado positivo, outra verdade. Se eu tivesse tido outro tipo de vida não estaria agora preparada para enfrentar as dificuldades que temos tido, nem tão pouco para apagar o mau que a vida me deu. Teria ficado parada no passado e se calhar a maldizer o dia em que nasci. Temos perdido muito, sabes que sim. Há uns anos atrás eu estava apenas a 6 anos da reforma e hoje estou a 15 anos, por enquanto, aumentará de certeza. Imaginas ou que eu tinha planeado fazer? Adianto alguma coisa ficar obcecada por isso, a chorar? Nada. Piorava a minha saúde e não conseguia mudar nada. Tenho que embelezar os meu dias de maneira a esquecer o que me têm roubado, de maneira a acordar todos os dias com um sorriso. Vais lá chegar, claro que sim. Sozinha acabarás por descobrir que o melhor é acreditar, pensamento positivo, para que se realize o que desejamos. Fê seria bom para as duas que tivéssemos essa oportunidade. Beijinhos
Rosa Carioca disse…
Gostei muito do post e mais ainda do que li nos comentários.
Não tenho a menor dúvida: É UMA GUERREIRA!!!

(o cozido... já foi... mas fica para a próxima; certo?)
Mary Brown disse…
Rosa todos vamos vencendo, ao longo da vida, muitas batalhas o que faz de nós verdadeiros guerreiros mas, acabamos por nos esquecer delas. Há que lembra-las porque nos ajudam a valorizar-nos e a guardar dados importantes para as próximas.
Beijinhos
Briseis disse…
Voltei para agradecer o comentário e dizer que me comoveu muito quando o li... não voltei a comentar para não transformar a caixa de comentários numa conversa, mas mudei de ideias! =) Cada experiência partilhada é como se fosse vivida pelas outras pessoas, e eu tenho aprendido imenso com as tuas!Obrigada!
Mary Brown disse…
Briseis parece que as dificuldades e os problemas se repetem na vida de muita gente e se pudermos entre-ajudar-nos acabaremos mais ricos, mais felizes e agiremos com mais certezas. A vida é um aprendizagem que devemos partilhar com quem merecer recebe-la. Beijinho
✿ chica disse…
Que lindo,MarY! E ter paciência é um grande aprendizado.Eu a perco facilmente e expludo por vezes,quebro os ovos,rsrs Depois ela volta.ainda bem! beijos,chica
AC disse…
Mary,
Todos os teus posts têm um denominador comum: a vontade de ultrapassar algo, a vontade de ser cada vez melhor. E eu gosto disso, é inspirador.

Beijo :)
Mary Brown disse…
Chica eu não quebro os ovos porque depois teria que apanhar e limpar.:) Melhor mesmo é controlar-me para me poupar.:)Beijinhos
Mary Brown disse…
AC é da idade, não?:) Beijinhos
Limited Edition disse…
Boa sorte para o que se avizinha! Beijinho
Manuela Freitas disse…
Olá querida Mary,
Sempre as tuas publicações de uma forma ou de outra, motivam reflexão! Todos temos os nossos ganhos e perdas na vida, sem hipótese de medida, porque cada um sente os seus! Obviamente que precisamos de grande força de ânimo e paciência, para ultrapassar certas situações!
Desde que surgiste na minha vida, vi que eras uma pessoa marcada pela vida, mas com uma convicção e determinação muitos fortes, de facto eu tenho uma grande admiração por ti, pela tua personalidade forte e se por vezes não estou de acordo contigo, sempre mexes com o meu pensamento!
Beijinhossss
Mary Brown disse…
Limited Edition Obrigada. Beijinhos
Mary Brown disse…
Manuela obrigada. Fizeste uma lagriminha aparecer no canto dos meus olhos. A admiração é reciproca e já dura há algum tempo. Sou mesmo de convicções fortes o que, como deves saber, traz alguns dissabores, muita gente não compreende alguém que, inabalavelmente, continua a correr o seu caminho em dias de temporal e contra tudo e todos mas, tem-me dado, também, enormes alegrias. Apaixona-me debater ideias contigo porque sabes fundamentar as tuas opiniões. Muitos Beijinhos
Eyes

Já sei como dar a volta e chegar ao blogs. Beijos,

Maria luísa
Olá,Querida Mary Brown!!

Amei seu texto!!!Sou otimista também, e a paciência é uma virtude difícil,mas importantíssima!!
Pra tudo na vida precisamos de calma e perseverança!E claro exercitar a paciência é uma rotina diária...
Beijos!!
Obrigada pela companhia!
Evanir disse…
Com todo meu carinho hoje de alguma forma
deixar um recadinho em seu blog.
Estou um pouco ausente mais nunca esqueço
a amizade abençoada que Deus me deu.
Ler sua postagem tenha certeza que nunca deixo de ler ,
pois ela é minha bagagem para acalentar
os meus dias.
A pior dor é da saudade vejo hoje com tristeza
não poder digitar e fazer
comentário em cima da postagem
que vc fez com tanto carinho.
A mim tudo que importa é receber sua visita
me basta para alegrar meu coração.
um feliz final de semana beijos paz amor e luz,Evanir.
Acredite: Seu carinho e amizades tem me ajudado muito:
cristiana silva disse…
A paciencia é uma grande virtude do ser humano,há que sermos pacientes com as pessoas,com o mundo,com a vida,com os problemas,mas,acima de tudo há que sermos felizes!! Beijinhos e tudo de bom para ti,fica com deus e que nossa senhora te proteja a ti e toda a tua familia.
Mary Brown disse…
Maria Luísa ok. Beijinhos e boa semana.
Mary Brown disse…
Vivian Claro que sim. Beijinhos e obrigada
Mary Brown disse…
Evanir obrigada. Beijinhos
Mary Brown disse…
Cistiana a felicidade nunca chegará se não conseguirmos encarar os problemas com calma acreditando que amanhã tudo se resolverá. Beijinhos e obrigada
Su M disse…
Mary Brown... Su.. Glamour e Stilettos... Diz-te alguma coisa? Beijinhos grandes querida :)
Mary Brown disse…
Su M diz-me tudo. Já estava habituada ao requinte e à perfeição mas no Suvelle Cuisine, tratando-se de um blog sobre culinária, a tarefa seria mais complicada se a autora não fosse a Su, sem dúvida. Em ti nota-se "berço". Beijinhos
Evanir disse…
E você, é uma destas pessoas especiais.
Sua sensibilidade, sua atenção e seu carinho!
É algo que toca profundamente meu coração.
Que Deus continue iluminando você nos caminhos da vida.
Sua amizade e carinho é muito importante para mim,
tenha certeza é fundamental para mim cada palavra
que deixa nos comentários do meu blog.
Lembre-se a beleza é a que emana de nossa alma,
engrandece seu coração.
E sua ALMA É Linda.
Um feliz feriado .
uma abençoada semana.
beijos,Evanir.
Vou começar a comprar rifas, para ver se também consigo ser mais paciente...
Brem disse…
Durante a Segunda Guerra Mundial, o meu avô era falta, mas a sua memória permanecerá sempre em nossos corações. Mas a coisa mais importante acreditar, acreditar que tudo ficará bem ....
Com calorosas saudações para você Mary da Rússia.
João Roque disse…
Saber ser paciente é uma virtude e eu muitas vezes, não a tenho, o que é péssimo, pois quase sempre nada se resolve com pressas.
Mary Brown disse…
Evanir obrigada.Beijinhos
Mary Brown disse…
Carlos as rifas são como os milagres, é a nossa fé que concretiza o que desejamos e se soubermos isto e não a perdermos nunca, seremos pacientes e acreditaremos no amanhã. Beijinhos
Mary Brown disse…
Brem exactamente. Acreditar é o segredo para que tenhamos paciência. Beijinhos
Mary Brown disse…
João exactamente. Nós bem queríamos mas, tudo, necessita o seu tempo que muitas vezes é muito longo. Beijinhos
cantinho disse…
Um abraço.
Nem sei mais o que dizer.

Mary Brown disse…
cantinho espero que também sejas paciente, sejam quais forem as dificuldades que encontres para realizar os teus sonhos, os teus objectivos, e saibas esperar. Beijinhos

Mensagens populares deste blogue

Fotoshop, para quê? Continuas Feia por Dentro!

Em primeiro lugar, vou pedir desculpa a quem costuma passar por aqui. Quem o faz sabe que há atitudes que me revoltam e que por isso...Vou desabafar. Tenho andado super, super indignada com certas publicações no facebook de uma pessoa que conheci há muitos anos, tantos que até já me esqueci. Trago essa pessoa atravessada porque foi e é, não acredito em milagres, a pessoa mais ordinária que conheci e que, infelizmente, tive que lidar de muito, muito perto. Há um tempo atrás descobri uma página dela no facebook (se cometer algum erro  não se admirem, sou uma dessas excepções que nada percebe sobre o facebook) e daí para a frente as publicações e até as páginas (os nomes também vão mudando) têm mudado (faz-me lembrar aquelas pessoas que passam a vida a mudar de número de telemóvel, sempre que querem fugir de alguém mudam de número de telemóvel). Muda tudo mas, a frase de apresentação vai mantendo o mesmo sentido, mais coisa menos coisa, a última é:
Sou amante do Universo, da paz, do conh…

Carnaval de Vermes