Avançar para o conteúdo principal

A Escravidão do séc. XXI

Brown Eyes

Comentários

pinguim disse…
Obrigado por divulgares "isto".
Espero que mais algumas pessoas vejam o vídeo, apesar de ser longo (o que desvia muita gente e é pena).
Briseis disse…
Pode ser ingenuidade minha, mas acho esta visão demasiado apocalíptica para conseguir levá-la a sério...
Claro que não é fácil, claro que há uma minoria a beneficiar com isto, mas esta visão é fantasista... Espero.
Eva Gonçalves disse…
Tinha pensado ver o vídeo mais tarde no site do pinguim, mas acabei por vê-lo aqui. Qualquer dia alguém vai ter de fazer alguma coisa, porque a situação é insustentável... ingenuidade é dizer que isto é fantasioso e não pode ser... porque até custa a acreditar... Faz-me lembrar aquele síndrome de Estocolmo, em que a vítima sequestrada se apaixona pelo sequestrador... e já não tem discernimento que é crime...O problema é que alertas dramáticos destes perdem a credibilidade e as pessoas tendem a menosprezá-los porque confiam que se fosse verdade, alguém responsável tomaria medidas... yea, right... e eis como os humanos demoram a aprender, esquecem exemplos da história(mesmo recente), e preferem cuidar da sua vidinha e dos seus interesses...
Bom fim-de-semana! Beijo
Johnny disse…
Ponho aqui o mesmo comentário que pus no pinguim :)

Dizia eu que este vídeo tem pontos pertinentes, mas que acabam por se perder no meio de algum fanatismo. Sendo um teorista da conspiração, que já fez as mais absurdas acusações, este senhor entra por caminhos que se desviam da razão, nomeadamente ao confundir o estado social alargado, que ajuda verdadeiramente muita agente, com instrumento de controlo que interessa evitar (talvez a pretexto da agenda republicana norte-americana de impedir a wealth-care - eu também posso conspirar). Depois também há a conversa da inflação e dos triliões de dólares que vão para alguns bancos privados, mas se a inflação atingir os patamares do Zimbabwe e houver um colapso financeiro, esse dinherio não perderá o valor? E esses bancos terão interesse nisso? Há um paralelismo que se pode fazer com uma realidade que nos é mais próxima: nós podemos pedir um empréstimo ao banco e o banco fará tudo para ganhar o máximo de dinheiro possível com esse negócio, mas em última análise nós é que precisamos do dinheiro, nós é que o negociamos e nós é que temos de ver se precisamos verdadeiramente e e o queremos, sabendo o que nos vai custar. Podemos dizer perante isto que o banco nos está a enganar? Se calhar até nos engana, mas o carro e a casa são tão giros.

Resumindo: interessante, nalguns pontos, pertinente, mas confuso e demagógico... o que é pena, porque alguns argumentos fazem sentido na discussão por um mundo melhor e mais justo.
Fê-blue bird disse…
Minha amiga:
Pouco ou nada percebo de economia ou de política, mas acho que este excelente vídeo nada tem de exagerado ou demagógico, aliás penso até que não diz tudo sobre as conspirações que pairam sobre as nossas cabeças.
É por estas e por outras, que eu para não dar em maluca, enterro tantas vezes a cabeça na areia.

Beijinhos e bom fim de semana
Pedrasnuas disse…
Eu era ainda aluna quando um professor disse-nos que não existia direita nem esquerda, os partidos não tinham qualquer peso...o que comandava os destinos da nossa vida era a economia...e isso está a acontecer...
Sou uma leiga na matéria...confesso-o abertamente ...mas pelo que tenho percebido e escutado aqui e ali...começo a ficar com a sensação de que existe um polvo enorme que vai sufocando o planeta com os seus enormes tentáculos...a sensação é de que a situação a nível mundial está a deteriorar-se ...a escurecer...e o mal estar é enorme e muito incomodativo.

Obrigada por teres trazido esta luz...vou voltar a rever, ainda bem que há pessoas por dentro das tramas...coisas que escapam à maioria dos mortais...

Beijinhos grandes
Manuela Freitas disse…
Já tinha de facto visto este video e considero muito pertinentes algumas das ideias expostas, de facto a economia dominou o mundo, depois de um modelo humanista, entramos num neo-lberalismo desenfreado, que não poupa nada...
Fala-se que urge mudar o sistema...porque se isso não acontecer podemos caminhar até ao limite!
Esta é uma opinião de quem nada percebe de economia e de política está cheia!
Beijinhos,
Manuela
Fernanda disse…
Brown Eyes, amiga!

Agora não vim para ler ou ver o vídeo, desculpa.

Voltarei, prometo. Logo que tenha mais um tempinho para mim, para ti!
Tenho estado adoentada, nada demais, são as "ites" da época.

Beijinho

Minha amiga: as pessoas dizem,
nada percebo de economia, de
política estou farta, perfiro
meter a cabeça na areia...E quem
queira perceber, será que chega lá?
Há muitos anos, alguém que estava
na política e está(é deputada do
PS) dizia-me:
"ninguém sabe quem nos governa:
aqueles que nós sabemos que são
ministros, primeiro-ministro,etc.
não são...há muitos ratos do esgoto, e esses sim, mandam..."
é tudo muito confuso, muito obscuro,nós sabemos que a política
económico atual não está ao serviço
das pessoas no geral. Ontem em Londres houve uma enorme manifestação, no entanto, hoje e
amanhã, tudo continuará na mesma.
Votar adianta? Neste momento já está decidido quem vai ganhar(porquê que as Embaixadas sabem
sempre com muita antecedência o
Partido que vai ganhar umas eleições? Eu também não tenho a
resposta, mas intriga-me.
Beijinhos, amiga.
Estou doente e a abusar com o escrever.

Mas não podia deixar de te saudar!

beijo grande e forte, amiga

Mª. Luísa
Brown Eyes disse…
Vou tentar responder, hoje, ao máximo de comentários possível.
Brown Eyes disse…
pinguim é um bocado longo mas vale a pena vermos. O facto de eu ter estado ausente, não só o tempo que leva o vídeo, ocasionou poucas visitas. Sabes, tanto como eu, que as ausências na blogsfera acabam por se pagar caro. Pode também ser coincidência mas, por aqui, ou visitas ou acabas sem visitas. Infelizmente não tenho podido visitar. Espero que em breve o faça e que este blog comece a ganhar vida. Beijinhos
Brown Eyes disse…
Briseis infelizmente a realidade confunde-se muitas vezes com a fantasia e consegue, até, superá-la. Presentemente parece que há uma grande preocupação com o ser humano mas não passa de ilusão e serve apenas para esconder os interesses económicos. Esses sim são os únicos capazes de mover este mundo e por eles mata-se em nome do povo.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Eva dizes bem: Como as pessoas demoram a aprender e conseguem viver uma vida de olhos fechados. Parece incrível que não se tenham ainda apercebido que a única coisa que interessa não é o nosso o bem-estar, a nossa felicidade, a nossa segurança mas, sim, o lucro que possa trazer. Tenho pena que o ser humano esteja a caminhar a passos largos para a destruição, para a sua anulação. Sentimos já que o ser humano está a ser espezinhado, a perder o respeito de dia para dia e nada se faz porque não interessa, economicamente falando. O ser humano está cada vez mais limitado, cada vez mais subjugado ao poder económico e cada vez mais infeliz porque tem tudo mas, falta-lhe o essencial: o amor por ele próprio. Só assim justifico que se possa fazer tudo por dinheiro.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
johnny quem nos incutiu a necessidade de pedir empréstimos em vez de pouparmos? Os bancos, foram eles que nos facilitaram os empréstimos, para nos agarrarem e depois começaram a puxar-nos o tapete, ficámos sem dinheiro, sem casa e sem carro. Não fomos enganados? Afinal os empréstimos não eram bem aquilo que nos disseram, havia mais que nos esconderam para nos apanharem e viciarem. Portugal foi apanhado, quem não gosta de luxo? Quem se lembrou do velho ditado: Quem tudo quer tudo perde?
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Fê estás como eu, pouco percebo e pouco quero perceber de economia e política mas, as nossas noções básicas, muito muito básicas, infelizmente são suficientes para nos alertarem dos problemas criados por aqueles que dizem perceber. Eles dizem que percebem mas o que é certo é que estão a destruir o seu semelhante por amor ao dinheiro e não há quem os penalize dos roubos que têm feito e das vidas que têm apagado.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Pedras a ideia que tenho é que esse polvo existe mesmo e que ninguém o persegue. Todos o conhecem, todos sabem do que ele é capaz mas, ninguém quer enfrentar.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Manuela penso que o limite está muito próximo. O elástico já está a arrebentar e depois de rebentar voará a pouca paz que ainda temos e a guerra será geral.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Ná espero que já estejas bem. Eu estou a tentar voltar ao normal mas parece que não será tão cedo.
Beijinhos
Brown Eyes disse…
Irene talvez não adiante, afinal tudo é manipulado mas não votar muito menos. O nosso mal é que participamos pouco e em vez de culparmos os gatunos dêmos em defensores deles. É o que fazemos, defendemo-los, cada vez que votamos em quem não tem a imagem limpa ou nos deixa alguma dúvida. Beijinhos
Brown Eyes disse…
Maria Luisa um beijinho grande para ti e espero que melhores depressa.

Mensagens populares deste blogue

Carnaval de Vermes

Fotoshop, para quê? Continuas Feia por Dentro!

Em primeiro lugar, vou pedir desculpa a quem costuma passar por aqui. Quem o faz sabe que há atitudes que me revoltam e que por isso...Vou desabafar. Tenho andado super, super indignada com certas publicações no facebook de uma pessoa que conheci há muitos anos, tantos que até já me esqueci. Trago essa pessoa atravessada porque foi e é, não acredito em milagres, a pessoa mais ordinária que conheci e que, infelizmente, tive que lidar de muito, muito perto. Há um tempo atrás descobri uma página dela no facebook (se cometer algum erro  não se admirem, sou uma dessas excepções que nada percebe sobre o facebook) e daí para a frente as publicações e até as páginas (os nomes também vão mudando) têm mudado (faz-me lembrar aquelas pessoas que passam a vida a mudar de número de telemóvel, sempre que querem fugir de alguém mudam de número de telemóvel). Muda tudo mas, a frase de apresentação vai mantendo o mesmo sentido, mais coisa menos coisa, a última é:
Sou amante do Universo, da paz, do conh…