Avançar para o conteúdo principal

O nome



Quando alguém nasce damos-lhe um nome. O que soa melhor, que está na moda, o nome de uma personagem, de um famoso ou de um antepassado.
O que influência essa escolha? Bem imaginamos que é o gosto, a moda da altura a influência de aluguem mas…Será? Ou será o destino?
Destino! Que é isso de destino? Não acredito nele. Não acredito? Então o que me leva a tomar determinadas atitudes que, reflectidamente, não tomaria? Que me leva a, de repente, mudar o meu rumo depois de uma decisão tomada? Eu que não sou influenciável?
O destino é uma sucessão inevitável, absurda, incontrolável e inexplicável (através do método científico) de acontecimentos. Destino, sorte, fatalismo ou maldição, seja lá o que for que nos aprisiona, que nos impulsiona, nos impele, coage, nos incita a tomar determinada orientação na nossa existência. Queremos ter o domínio total, o poder sobre as nossas vidas mas, nem sempre acontece, exemplo disso, talvez o mais flagrante, é a morte. A morte, a doença e a velhice, implacáveis.
Outro dia, por curiosidade, procurei o significado e origem do meu nome. Fiquei perplexa. Eu era o reflexo vivo do meu nome. Que influência teve a sociedade, o meio, a tradição, a cultura, a família, as crenças na formação da minha personalidade?
Eu sou fruto de quê? A cultura, o conhecimento, que ao longo da vida vamos adquirindo, pensava ser a força que me conduzia. Além desta o poder de observação, que cada um de nós possui, orienta-nos na aquisição de padrões morais, encaminha-nos na tomada de decisões, dá-nos o arrojo necessário para enfrentar as adversidades diárias.
Eu, que pensei andar uma vida a criar, fui criada por um simples nome. Foi ele que me deu esta vida, que me traçou o caminho a percorrer, que me apresentou as alegrias e infortúnios, que me fez chorar e rir. Nunca o trocaria.

Para descontrair a música dos Delfins: "O teu nome" 
Brown Eyes


Comentários

Gingerbread Girl disse…
Detesto o meu nome... recuso-me a acreditar que ele foi o responsável por quem sou e sobre que rumo tomou a minha vida... =|

Isso seria no mínimo assustador.

Percebo a lógica dos signos e dos ascendentes... mas o "nome"... naaah



kiss*
Karlytus disse…
pra mim o significado dos nomes faria sentido se fossemos nós a escolhe-lo já em adultos.. assim , penso q sao tudo tretas.. lol

apesar disso gosto do meu.. :)

beijinho azulinho!!
PP_FANTASMA disse…
Isso é bom sinal:)
Brown Eyes disse…
A questão que eu ponho Karlytus é precisamente por não sermos nós a escolhe-lo. Se fossemos não me admiraria que o meu tivesse impresso todas as minhas qualidades e defeitos, que ele tivesse traçado o meu passado e presente, o futuro não sei, por enquanto. Porque escolheram esse nome e não outro? Que força levou a isso? "Sem uso da razão não consegue dissipar as incertezas e as instabilidades que sempre rodeiam a vida." Esta frase é aquela que mais define a minha vida. Há coisas que não entendo, não têm lógica, para mim e, por isso, andam constantemente a martelar na minha cabeça. O lógico para mim é ser tratado como se trata, alguém que nunca fez mal a ninguém ser maltratado, não tem lógica, não aceito nunca. Ver atitudes destas faz-me parar dias e continuo sem resposta. É a dita sina que alguns têm. Mas porque têm essa sina? O lógico seria serem adorados, amados, afinal de contas muitos deles deram e dão a vida pelos outros. Não é assim. E não é assim repetidas vezes ao longo da vida deles. Será que por serem puros, sinceros, são o saco da pancada dos outros? Ainda há dois dias morreu um colega meu que, ao longo da vida, fez tudo pela mulher e pela filha e pagaram-lhe tão mal! Duas senhoras em casa sem trabalhar, o desgraçado desdobrava-se em trabalho, no fim a preocupação delas era o dinheiro. Pode? Nunca entenderei estas sinas.

Mensagens populares deste blogue

Carnaval de Vermes

Afinal é por Isto ou por Aquilo?

O aquecimento global deve-se a quê? Ando completamente baralhada mas...Quero continuar assim.
“O  aumento da temperatura do planeta é ocasionado pela acumulação na atmosfera de gases como o Dióxido de Carbono,   Metano,   óxido de azoto e os CFCs, provenientes do uso de combustíveis fósseis e processos industriais. Este aumento da temperatura é conhecido como Efeito Estufa, sendo que o Dióxido de carbono é o principal gás da atmosfera que tem a capacidade de absorver a radiação infravermelha do sol. Com o advento da industrialização ocorreu uma elevação nos níveis de Dióxido de Carbono na atmosfera, que está se intensificando a cada dia que passa, provocando um aumento na temperatura terrestre com consequentes alterações climáticas globais….” in EFEITO ESTUFA - UNESP ou
“A astrofísica Jillian Scudder, da Universidade de Sussex, prevê que a Terra tem ‘apenas’ mais cinco mil milhões de anos de vida, antes de ser engolida pelo sol. A vida do próprio sol chegará ao fim, mas entretanto est…