Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Saber Estar

Saber estar abarca certo conhecimento, a que nem todos têm acesso, para quem vive em sociedade. Há palavras que são usadas sem qualquer significado porque a sua profundeza é desconhecida. Poderia falar na “amizade”, “amor”, “respeito”, “lealdade” e outras mais. Muitos vivem banalmente e tudo é vulgar para eles e sem significado. A vida, em geral, é um espelho da sua. Consideram-se uns craques. Esquecem-se que nunca viveram sem rede, nem proteção, no seu passado e presente. Viver é saber transpor as dificuldades que se nos apresentam, sós, ouvindo as nossas experiências e voltando a pô-las em prática. Essa gente seria incapaz de enfrentar o mundo, lutar, abrir caminho sem armadura. Têm um fascínio:   a critica, a desconfiança e tendem a julgar os outros por eles. Abandonem tudo e partam para uma ilha deserta. Saberão quanto tempo conseguem sobreviver sem o material, sem terem a quem assaltar, a quem manipular, e desprotegidos. Vivam e deixem de olhar para o vizinho, olhem
Mensagens recentes

Respeito

Onde ele anda? Que se ensina nas escolas? Acredito que dê imenso trabalho fazer um relatório, quando se marca uma falta disciplinar mas, digam-me, para que elas existem? Senhores professores sei que vos falta o incentivo, principalmente o monetário, mas vocês são pagos para ensinar e educar.  Imaginem o que seria este país e o mundo se todos os profissionais deixassem de fazer o que lhes compete, por falta de incentivos. Já imaginaram?  Educar é um dever de todos, não só dos pais. Estes não podem ver o que os filhos fazem nas aulas. Educam os filhos pelas atitudes  que eles têm, quando estão em casa. Tempo mínimo, comparando com o tempo que passam nas aulas. Será que a educação passou de moda? Falta-me vocação para ser professora. Não sou, no entanto, não deixo que o respeito seja uma mera palavra.

Que raio de país é este?

Quantas vezes ouvimos, os que nasceram em países africanos, que jamais viveriam nesse continente. O motivo que alegam é ser um continente com um sistema de saúde paupérrimo.  Neste país, que muitos não admitem, ser do terceiro mundo, temos visto situações e atitudes da época das cavernas.  Os seres humanos que vivem neste país não têm o mínimo de respeito por nada nem por ninguém.  O sistema de saúde é aquilo que vemos nas televisões, uma grandessíssima "merda". Os governantes uns videntes falhados. As forças de segurança, que  deviam fazer cumprir a lei, andar pelas ruas para se cerrificarem que o zé povinho não anda em festas, traz máscara, não passeia trelas e os estabelecimentos que devem estar fechados estão realmente, desapareceram. Eu não os vejo.  Pergunto: Acham que todos somos iguais? Que somos todos cegos, surdos e mudos? Onde terão enterrado os valores que apreenderam na bíblia?  Portugal diz-se um país católico.  Para mim isto é um país acabado. A sorte é que Deu

Trump e Trumps

O que estamos a ver nos E.U. é um bom exemplo do que um louco manipulador consegue. Os cordeirinhos, os que carecem de cérebro, por um interesse ou outro, seguem o lobo, mesmo sabendo que, depois deste se saciar, nem os ossos se salvam. São  cegos, surdos e mudos,  até um dia. O primeiro, que se habituou a conseguir tudo manipulando, chama-lo-ia até, pelas suas atitudes, pela forma como encara a perda, com violência, vivendo num mundo irreal, criado por ele, um psicopata. Sabe tudo e vence todos. Ninguém consegue manipular eternamente nem totalmente. Um dia tropeça em alguém que o vence, alguém que tem cérebro, sabe pensar, observar e concluir,  que não teme nada nem ninguém,  que teve uma vida de luta, assente em princípios e valores, e abre-se a porta do  inferno.  O D.T. perde o controlo. Surge a sua índole, cai a máscara e salta o diabo que  nele habitava e habita. Esse diabo, com olhos vidrados e escancarados, a imagem de quem acaba de ser possuido, não consegue encarar a derrota,

No Dia a Dia Também Somos Surpreendidos

Quem costuma passear os seus animais de estimação sabe que, além de surgirem conversas com outras pessoas com a mesma responsabilidade e prazer, fazem-se novos conhecimentos. Não vou dizer que se fazem amigos porque a amizade hoje é rarissima, e tem sentimentos tão profundos que os conhecimentos nunca alcançarão. Num desses passeios calmos, com o vento gélido a bater no rosto e os cabelos revoltos encontrei um senhor, ao qual a máscara escondia o rosto, que iniciou uma conversa sobre os, nossos e dele, melhores amigos. No término da mesma pronunciou esta frase: É a eles que dão a vacina da raiva mas quem precisa dela são os humanos. Realmente! Grande pensamento!

Eduardo Lourenço

Morreu, hoje, o Português que mais admiro, Eduardo Lourenço. Depois de ler "O Labirinto da Saudade", livro que foi tema para um filme que  estreou em 2018,  o  que pensava deste país  e deste povo tinha sido sublinhado, por um Homem sábio, inteligente e um pensamento claro. Nunca mais esqueci o livro e o autor. Já passaram mais de trinta anos. Este Homem conseguiu descrever claramente a mentalidade portuguesa e diferencia-la da europeia. Nasceu em São Pedro do Rio Seco, Almeida, Guarda, (Sr. Primeiro Ministro Eduardo Lourenço não nasceu em Lisboa, como o Sr. mencionou numa entrevista que deu) numa aldeia desconhecida por muitos que, pelo facto de ter sido o berço do filósofo e ensaísta, tornou-se imensa e cruzou fronteiras. Portugal ficou mais pobre e o outro mundo, onde aquela luz brilhante cega quem parte, ganhou uma mente livre e brilhante.

LivreTrabalho

Uma bela paisagem, sol, flores, árvores e duas cadeiras de escritório. A pandemia trouxe-nos a solidão, o confinamento, o medo.... mas há imagens que nos fazem sorrir, Só faltava a secretária, o computador e o trabalhador.  Quem quer trocar o teletrabalho pelo livretrabalho?